PÁGINA INICIAL DICIONÁRIO          LITERATURA                 QUEM SOMOS              FALE CONOSCO                    100 ERROS               SIMULADOS

A regência é a relação de subordinação existente entre as palavras.
A palavra que completa a outra chama-se
palavra regida ou subordinada; a palavra que é completada pela outra em seu significado é
chamada de
regente ou subordinante.
                                                                   
Podem ocorrer regência verbal e regência nominal.

Regência Verbal

A regência verbal estuda a relação de dependência que se estabelece entre os verbos e seus complementos. Na realidade o que estudamos na regência verbal é se o verbo é transitivo direto, transitivo indireto, transitivo direto e indireto ou intransitivo e qual a preposição relacionada com ele.

Esses versos foram extraídos da música do professor Roberto Reis  " Eu não sei "

" Eu não sei
se devo ou não fazer
As coisas que deixam reviver
das dores que me fazem convalescer "

Conforme já estudamos, há termos que exigem a presença de outro para formar sentido. O verbo fazer, por exemplo, não exige
preposição. Veja:

                      “... fazer
                      As coisas
...”


Para estudarmos o fenômeno da regência verbal, como a que vimos no verbo fazer acima, vamos recordar a predicação verbal:

• João
voltou rapidamente para casa.
Verbo intransitivo (VI)

• “...as dores que me
fazem convalescer[...]”
                                                                            (Roberto Reis)
Verbo transitivo direto (VTD)

• Para essa travessia,
necessitamos de apoio.
Verbo transitivo indireto (VTI)

• Maria
deu o convite aos funcionários.
Verbo transitivo direto e indireto (VTDI)

Existem, porém, alguns verbos que, de acordo com o sentido que adquirem no texto, admitem mais de uma regência. Observe:

Verbos Transitivos Diretos

São verbos que precisam de complemento, denominado objeto direto, sem preposição.

Por essa razão, uma das maneiras mais fáceis de se analisar se um verbo é transitivo direto é passar a oração para a voz passiva, pois somente verbo transitivo direto admite tal transformação, além de obedecer, pagar e perdoar, que, mesmo não sendo VTD, admitem a passiva.

O objeto direto pode ser representado por um substantivo ou palavra substantivada, uma oração (oração subordinada substantiva objetiva direta) ou por um pronome oblíquo.

Os pronomes oblíquos átonos que funcionam como objeto direto são os seguintes:
me, te, se, o, a, nos, vos, os, as.

Os pronomes oblíquos tônicos que funcionam como objeto direto são os seguintes: mim, ti, si, ele, ela, nós, vós, eles, elas.

Como são pronomes oblíquos tônicos, só são usados com preposição, por isso se classificam como objeto direto preposicionado.

Vamos à lista, então, dos mais importantes verbos transitivos diretos: Há verbos que surgirão em mais de uma lista, pois têm mais de um significado e mais de uma regência.


Aspirar será VTD, quando significar sorver, absorver.

O rapaz aspirou o perfume de sua namorada.

Visar será VTD, quando significar mirar ou dar visto.

O soldado visou o alvo, mas errou o tiro.
O gerente
visou o cheque do cliente.

Agradar será VTD, quando significar acariciar ou contentar.

A garotinha ficou agradando seu gatinho a semana toda.
Para
agradar a professora, fez uma ótima prova.

Querer será VTD, quando significar desejar, ter a intenção ou vontade de, tencionar.

A criança sempre quis aquele brinquedo.
Quero um aumento salarial.

Chamar será VTD, quando significar convocar.

Chamei os alunos para formarem a fila.

Implicar será VTD, quando significar fazer supor, dar a entender; produzir como
conseqüência, acarretar.

A denúncia feita implica prisão dos culpados.
A narrativa da vítima
implicou você no acidente.

Namorar é sempre VTD.

A professora namorava o coordenador de português. .
Eu estava
namorando este cargo há anos.

Compartilhar é sempre VTD.

Denise compartilhou o meu sofrimento.

Esquecer e Lembrar serão VTD, quando não forem pronominais, ou seja, caso não sejam usados com pronome, não serão usados também com preposição.

Esqueci o caderno ao sair.
Ela não
lembrou o meu nome.

Namorar é sempre transitivo direto.

Ela namora um modelo famoso.

Continue seus estudos - Verbos transitivos indiretos